Ônibus Escolares

Aquisição de Ônibus Escolares e Equipamentos da Área de Educação

Caminho da Escola é uma das ações do Plano de Desenvolvimento da Educação (PDE) do Governo Federal do Brasil. O programa apoia a compra de veículos para o transporte escolar de alunos da educação básica que residem na zona rural, visando renovar a frota, dar segurança ao transporte de estudantes e reduzir os índices de evasão escolar nessas comunidades. Criado pela Resolução nº 3, de 28 de março de 2007,[1] o responsável pela sua operação é o Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE), uma autarquia vinculada ao Ministério da Educação.

Uma das inovações do programa foi colocar à disposição uma linha de financiamento do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) para que governadores e prefeitos possam adquirir ônibus e micro-ônibus zero quilômetro ou embarcações fluviais. Os ônibus são padronizados, adequados ao tráfego em vias rurais, certificados pelo Instituto Nacional de Metrologia, Normalização e Qualidade Industrial (Inmetro) e com ciclo de renovação da frota estimado em dez anos.[2]

Para acessar a linha de financiamento, os estados e municípios precisam aderir ao programa e participar do pregão nacional. O empréstimo pode ser pago em até seis anos, com carência de seis meses e 4% de taxas de juros/ano.[3]

5824
Total de Horas de nossos Consultores para alcançarem as metas anuais
875
Equipamentos Adquiridos no Período
58
Profissionais e Parceiros envolvidos no Período
1547
Instituições Atendidas no Período

Problemas

Os veículos escolares, principalmente nas zonas rurais dos municípios possuem um desgaste acima da meta, pois os terrenos onde transitam geralmente não possuem a mínima condição de trafego. O objetivo é implementar uma política mais eficiente para atendimento dessas demandas.

Soluções

Entre as melhorias dos ônibus para 2020 estão a porta de lâmina única, que possui vedação total para entrada de pó e água, o que permite o tráfego em estradas rurais de difícil acesso. Os modelos também terão um sistema aperfeiçoado de isolamento térmico do motor, o que proporciona a diminuição do calor no interior do veículo.

Todos os veículos são equipados com dispositivos de acessibilidade e seguem padrões de qualidade e segurança estipulados pelo FNDE, em parceria com o Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia (Inmetro).


Deprecated: Directive 'track_errors' is deprecated in Unknown on line 0